Share |

Bloco de Famalicão exige mais fiscalização a descargas poluidoras nos rios e ribeiros.

Ao longo dos últimos anos, o concelho de V. N. de Famalicão tem sido vítima de várias descargas ilegais nos rios e ribeiros que percorrem o território concelhio, estas descargas têm levado a que muitos famalicenses denunciem nas redes sociais e na comunicação social. Várias descargas foram feitas nos últimos dias, principalmente no rio Pelhe.

O Bloco de Esquerda estranha que, perante estas denúncias, a Câmara Municipal não tenha tomado medidas para que os responsáveis pelos atos de poluição sejam responsabilizados pois, alem das descargas domésticas, verificaram-se agora também descargas industriais.

Tendo em conta a importância ambiental dos cursos de água, nomeadamente os rios e ribeiras, é inaceitável que este tipo de situações continue a ocorrer.

O Bloco de Esquerda de Famalicão considera urgente que as entidades competentes, nomeadamente a Câmara Municipal e o Ministério do Ambiente tomem medidas no sentido de por termo a estes atos poluidores, exigindo que aumentem a fiscalização sobre este tipo de crimes ambientais, não apenas no rio Pelhe mas em todos os cursos de água, que atravessam o concelho de Famalicão, de forma a que sejam imputadas as responsabilidades a quem pratica este tipo de atos.

O Bloco de Esquerda considera importante e necessária a limpeza dos rios e a consciencialização ambiental da população, mas a fiscalização é igualmente necessária e torna-se urgente que seja mais efetiva, dado o número de registos que vamos tendo conhecimento.