Share |

Bloco contra o encerramento dos CTT de Riba de Ave

De acordo com vários órgãos de comunicação social, a administração dos CTT tem a intenção de fechar 22 lojas em todo o país, das quais está incluído o balção dos correios em Riba de Ave.

A privatização dos CTT, decidida pelo anterior Governo PSD/CDS a 5 de setembro de 2014, foi uma decisão errada porque prejudicou a grande maioria da população e lesou gravemente o interesse público.

O anúncio dos encerramentos do balcão em Riba de Ave, vem confirmar, que o objetivo do PSD/CDS, foi favorecer os grandes interesses económicos em prejuízo das populações e do interesse público.

O Bloco de Esquerda propôs, em dezembro passado, através do PjR nº 916/XIII/2ª, que a AR aprovasse uma recomendação ao Governo para que “inicie o processo de recuperação do controlo e gestão do serviço postal universal por parte do Estado, através do resgate da concessão do serviço público dos Correios e da sua rede pública aos CTT”. Esta recomendação teve os votos contra de todos os partidos, e agora passados 15 dias temos o anúncio que os correios em Riba de Ave podem fechar.

O Bloco de Esquerda condena esta intenção da Administração dos CTT e apela a todos que lutem contra este encerramento que, a verificar-se, será um duro golpe para povo de Riba de Ave e freguesias vizinhas.

Lutar contra o encerramento dos balcões e pela recuperação do controlo e gestão pelo Estado do serviço público de correio é defender os seus trabalhadores, o interesse das populações e do país.