Share |

Bloco de Esquerda visita Museu da Indústria Têxtil

Os deputados do Bloco de Esquerda membros da comissão de comissão parlamentar de Cultura e Comunicação da Assembleia da República, Alexandra Vieira e Luís Monteiro, acompanhados pelas dirigentes do BE Famalicão Catarina Ferraz e Raquel Azevedo, visitaram, na tarde desta segunda-feira, o Museu da Indústria Têxtil, em Famalicão, para alertar para a importância da preservação do património industrial do Vale do Ave.

Na visita ao museu, instalado na antiga Fábrica de Fiação e Tecelagem de Lã - Lanifícia do Outeiro, Lda, foi possível conhecer o espólio da exposição permanente, o centro de documentação e a exposição temporária, que permitem preservar a memória histórica do processo de industrialização da região.

Esta iniciativa surge na sequência da apresentação de um projeto de resolução que recomenda ao Governo medidas de valorização do património industrial. Os deputados pretendem que a Direção Geral do Património Cultural faça um levantamento e classifique os imóveis industriais do Vale do Ave, crie uma linha de financiamento para investigação científica e elabore um novo Roteiro Histórico do Património Industrial do Vale do Ave através do Turismo de Portugal e do Turismo do Porto e Norte de Portugal.

Os deputados salientam que a criação de equipamentos industriais museológicos dependeu em grande parte do poder local, como é o caso deste museu que surgiu por iniciativa da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão.

Os bloquistas pretendem que o Ministério da Cultura tome a iniciativa e junte académicos, operários, autarcas, associações de defesa do património e entidades públicas da área, para valorizar o património industrial, respeitando o historial económico, social e político dos espaços.