Share |

Extensões de saúde - BE congratula-se com posição dos Presidentes de Junta

Veio a público na semana passada que os presidentes das juntas das freguesias de Nine, Lousado, Gondifelos e Arnoso Santa Maria foram surpreendidos, quando o presidente da Aces de Famalicão os chamou e informou que as extensões de saúde destas freguesias iriam encerrar durante três meses em virtude da falta de funcionário administrativo.

Perante tamanha brutalidade, os presidentes de junta comprometeram-se a resolver a situação disponibilizando um funcionário para que as extensões de saúde não fechassem e os utentes continuassem a ter o seu médico, na defesa dos interesses das suas populações.

O Bloco de Esquerda congratula-se com esta posição dos presidentes destas juntas de freguesia ao demonstrarem que a defesa dos seus habitantes está em primeiro lugar.

O BE condena firmemente esta decisão da ACES/ARS que, manifestamente pretende criar condições para o encerramento definitivo das extensões dos centros de saúde. Aliás, uma pretensão há muito manifestada.

Ao usarem agora o argumento de falta de funcionários como justificação para o encerramento de serviços, associado ao aumento as taxas moderadoras, o Ministério da Saúde através da ARS/Norte manifesta um preocupante desprezo para com os utentes do SNS, a sua grande maioria idosos.

O Bloco de Esquerda está frontalmente contra a tentativa do Governo de desmantelar o Serviço Nacional de Saúde .

A actuação destes presidentes de junta mostra a utilidade e importância que os serviços de proximidade , nomeadamente as juntas de freguesia, prestam às populações. Por isso, o BE não compreende a vontade do Governo em extinguir freguesias, acabando com esta ligação de proximidade.